Aberta inscrição para matrícula escolar em Pernambuco - Saiba como fazer a sua!

já foi divulgada o período de matrícula escolar para os pernambucanos. O período começa às 7h desta quarta-feira (20) e segue até o dia 27 de dezembro, a matrícula para o ano letivo de 2020 para estudantes novatos da rede estadual de ensino de Pernambuco. Ao todo, serão disponibilizadas no Estado, 74.978 vagas para estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio.Do total das vagas, 10.313 estão concentradas no Recife, 18.224 na Região Metropolitana e 46.441 no Interior do Estado, que contempla as Zonas da Mata, Agreste e Sertão.


Como fazer a matrícula?


A inscrição deve ser feita exclusivamente pela internet, aos que acreditem ser necessário podem consultar como fazer a matrícula em São João do Guararapes entre outras cidades de Pernambuco acesse esse site.

 O site oficial do governo para realização da mesma é o www.matricularapida.pe.gov.br. Os estudantes já matriculados nas unidades de ensino terão suas vagas confirmadas automaticamente e não precisam participar desta fase de matrículas.

No cadastro devem ser preenchidos:

  1. o nome completo do aluno e do responsável, 
  2. data de nascimento, 
  3. escola que estuda atualmente e escola que pretende estudar
  4. série e turno que deseja estudar
  5.  RG e CPF.
 Ao final do processo será gerado um protocolo de confirmação enviado por e-mail. Conforme o calendário, entre os dias 2 e 16 de janeiro, o aluno deve ir na escola escolhida com o número do protocolo para realizar a mtrícula efetiva, além do registro do cadastro deve levar ainda cópia da Certidão de Nascimento, comprovante de escolaridade, uma foto 3x4 recente, comprovante de residência com CEP, documento de transferência, cópia da carteira de vacinação e comprovante do tipo sanguíneo e fator RG.

Escolas participantes


Ao todo são 1.059 escolas estaduais de Pernambuco e 44 unidades de educação técnica, entretanto, essas já finalizaram o processo de pré-matrícula no dia 7 de novembro.


Computador para matrícula

Para auxiliar os estudantes que não possuem acesso à internet, 300 escolas estaduais de vários municípios vão liberar os laboratórios de informática das instituiçãoes para que os cadastros sejam feitos por meio deles.