blog

Dicas para prevenir um acidente vascular cerebral

Sofrer um acidente vascular cerebral pode ter consequências muito graves e até a morte. Por isso queremos dar-vos algumas dicas para prevenir um acidente vascular cerebral. Ocorre um acidente vascular cerebral quando os vasos sanguíneos no interior do cérebro, encontram-se bloqueados por um coágulo ou hemorragia, podendo variar os sintomas em cada pessoa, em função da gravidade dos danos causados, e do tipo de acidente vascular cerebral que se produza. Sintomas do avc Um acidente vascular cerebral pode afetar os sentidos, a memória, a mobilidade, fala, comportamento e pensamentos, os sintomas do acidente vascular cerebral e sinais de aviso podem desenvolver-se de forma inesperada e repentina ou podem ocorrer gradualmente durante várias horas e até semanas. Os sinais de alerta que podem ocorrer são: dormência, fraqueza ou paralisia da face, extremidades ou um lado do corpo, confusão súbita, dificuldade para falar ou compreender outras pessoas, ou para ver com um ou ambos os olhos, mesmo visão turva, dor de cabeça súbita, com uma pressão extrema e latejante, assim como problemas repentinos com a motilidade, perda do equilíbrio, tonturas, perda de coordenação, o controle dos músculos. É uma situação de emergência, pelo que deve procurar ajuda imediatamente. Dicas para prevenir um acidente vascular cerebral Ganha especial importância prevenir um acidente vascular cerebral, alterando principalmente os hábitos de vida, para evitar futuras consequências que se revestem de gravidade e pode até levar à morte, como são: Controlar a pressão arterial A pressão arterial elevada é um fator de risco muito alto para que se produza um acidente vascular cerebral, mas quase nunca produz os sintomas detectáveis, por isso, é importante controlar a sua pressão arterial. Se a maior ou sistólica é mais alta do que 130, ou a inferior ou diastólica é maior que 80, você deve recorrer a um médico para ser avaliado de hipertensão, que lhe indicará a dieta a seguir, incluindo medicação, caso seja necessário. Mantenha o seu peso e realiza exercício físico Se você sofre de excesso de peso deve emagrecer, já que é uma excelente maneira de reduzir ao mínimo o risco de ter um acidente vascular cerebral. Comer menos, mais saudável é a forma mais eficaz de conseguir isso, combinado com atividade física, como uma caminhada diária. Tem uma dieta saudável Ter uma dieta saudável é provavelmente a forma mais eficaz de manter um baixo risco de acidente vascular cerebral, já que pode lhe proteger de doenças como hipertensão, diabetes, colesterol alto e obesidade, entre outras. – Comer porções pequenas, para evitar armazenar o excesso de calorias e aumentar o peso. – Consome sal com moderação, para evitar a retenção de líquidos e aumento da pressão arterial. – Evite os alimentos fritos,e a comida rápida, aumentando a ingestão de frutas, legumes, cereais integrais e legumes e escolhendo peixes não gordurosos e carnes de frango ou peru. – Evite o álcool ou consuma com moderação. Evite o tabaco Fumar é muitas vezes o único fator de risco identificável de pessoas que sofreram um acidente vascular cerebral. Controle seus níveis de colesterol O LDL ou mau colesterol é um marcador confiável de doença cardíaca e acidente vascular cerebral, uma pessoa saudável, com pouca ou nenhuma predisposição para doenças do coração, seu colesterol LDL deve ser inferior a 160, mas se você tem algum fator de risco, o nível deve ser inferior a 130.