blog

Tire seu site das sombras

Colocar seu site entre os principais resultados de pesquisa do Google é uma excelente solução para incrementar o número de visitas, aumentar a taxa de conversão e realizar mais vendas. 

Ter esse destaque no Google demanda estar atento a diversos detalhes para tornar seu site rastreável pela ferramenta de busca, facilitando sua indexação e melhor ranqueamento. 

É justamente nesse ponto que muitos cometem erros que deixam o site nas sombras, sem auxiliar na estratégia de crescimento da empresa. Confira, aqui, quais são os erros mais comuns e como evitá-los para ter melhor desempenho em motores de busca. 

 

Trabalhar com conteúdo de baixa qualidade 

Um conteúdo de baixa qualidade é aquele que não é original / autoral e que não tem informação relevante, ou seja, que agrega valor ao usuário da ferramenta de busca. 

Esse detalhe é importante, porque o Google tem como foco proporcionar a melhor experiência possível aos seus usuários, o que inclui oferecer um material de qualidade. Se o seu não for, ele não será destacado entre os principais resultados de busca. 

Mas, como investir em um conteúdo de boa qualidade? Simples: implemente a estratégia de inbound marketing, que é focada em marketing de conteúdo, com otimização SEO, que facilitará o rastreamento e indexação de seu site. 

 

Não aplicar técnicas de SEO 

O SEO é uma estratégia voltada à otimização de sites para motores de busca, possibilitando que seja ranqueado na melhor posição possível e de maneira orgânica, isto é, sem pagar por isso. 

A otimização é feita por meio da aplicação de diversas técnicas, como uso adequado de palavras-chave, elaboração de meta description, inserção de title tag, utilização de heading tags, entre outras. 

Para evitar esse tipo de erro, é importante aplicar as técnicas de SEO em todo o site, garantindo que seja escaneável por ferramentas de busca e melhor ranqueado, de modo a conquistar resultados mais expressivos na web. 

 

Ignorar o link building 

Link building é uma técnica voltada a montar uma rede de links que apontam para seu site, de modo a direcionar o tráfego. Trata-se de um ponto essencial, porque possibilita que o Google entenda seu site como referência e autoridade, dando-lhe destaque em resultados de busca. 

 

Desprezar a compatibilidade com vários dispositivos 

O Google prioriza sites que sejam responsivos, ou seja, adaptados para serem exibidos em diferentes dispositivos (computador, tablet e smartphone), para assegurar uma experiência mais agradável ao seu usuário. 

 

Ter um site lento 

Ferramentas de busca tem como um de seus fatores de ranqueamento o tempo de carregamento do site. A razão disso é simples: quanto mais demorar, maior a chance de o usuário abandonar a página. 

Por isso, teste a velocidade de carregamento de seu site em diferentes dispostos. Se encontrar lentidão e inconsistências, providencie a correção para oferecer uma melhor experiência aos usuários. 

 

Não investir em redes sociais 

Além de investir na otimização de sites, também é importante ter presença em redes sociais porque permitem que conteúdos de qualidade atinjam mais pessoas, sites e portais de relevância, o que aumenta a exposição da marca e abre a possibilidade para conseguir links externos, o que viabiliza um bom ranqueamento.